sábado, 11 de setembro de 2010

Sentidos.

O problema sempre é o coração. Nunca tem resposta para as inúmeras perguntas feitas e nem decifra códigos. Passa um bom tempo sem avanço e com essas perguntas em aberto. Até que se encontra alguém. Alguém que não é exatamente a pessoa dos seus sonhos mas faz parecer que é. Uma pessoa que não precisa ser bonita para ser linda, não precisa contar piadas para ser engraçada, não precisa de simplesmente nada. Como diz a música: Ela só precisa existir pra lhe completar. Ela pode vir devagar ou pode chegar do nada e levar consigo os pensamentos. Nos dois casos ela drena sua energia vital ou você a entrega sem perguntar o porque.
Vai em busca de respostas. A conhece, faz perguntas, não consegue resposta, tenta novamente. Nesse ponto se descobre que as respostas estão ali, como um diamante bruto aonde só é preciso lapidar e obter uma jóia rara. A luta não é fácil, aliás quem disse que é fácil? Se tudo que se sente for tão forte que se chega a acordar no meio da madrugada e ficar cantando baixinho qualquer música de olhos fechados, admirando o rosto da pessoa em seus pensamentos, perdurará, se fortalecerá e crescera trazendo aos poucos as respostas.
Se começa a dar errado é comum se perguntar o por que de uma simples pessoa causar tanta alegria e tanta dor ao mesmo tempo. Se tenta esquecer mas é impossível. Ninguém consegue te ajudar. Você promete se sacrificar para te-la perto outra vez e se lamenta das vezes em que desperdiçou as poucas oportunidades reais. Assume ao mundo que a ama e que faria tudo para te-la consigo. Perde o amor próprio. Perde a razão mas ainda tem esperanças de encontra-la num momento ruim no qual ela se entregue. Essa mesma esperança que ainda o mantém vivo. Sempre se declara e ela parece que nunca retribui, como se houvesse um vazio dentro da pessoa amada. 
O amor cresce como o tempo passa. Os dias, semanas, meses trazem mais indignação na sua vida. ''Como pode a personificação de todos os sentimentos na Terra, nem sequer pensar ou lembrar de mim enquanto estou na minha hora mais escura, no meu momento mais sombrio?''. Retoma as comunicações que você sempre se conteve em esquecer, vistoriando-as cada dia. Desabafa, explica, pede compreensão e apenas uma resposta é recebida: ''Eu te amei um dia, isso antes de toda a tristeza te dominar por completo.''. Corre por si um imenso calafrio de origem desconhecida e um certo arrependimento do tipo ''eu sempre estive certo''. Dizia que a ama,amava e amaria para sempre e que achava que ela também havia o amado, mas sabia que o prazer era curto e o esquecimento imenso. 
Ninguém gosta de pessoas tristes. Você se dispõe a mudar drasticamente suas atitudes. Você muda. Enxerga o mundo com outros olhos. Descobre realmente o que é amar. Amar é mais que sacrifício, é aceitação, é compreensão, é paz de espírito. Sacrificaria amizades, privilégios. Nunca demonstraria medo, nem covardia, muito menos tristeza. Seria uma pessoa forte e com a cabeça no lugar. Agora teria alguém a quem proteger. Sua vida tinha sentido. As respostas estavam todas claras na sua frente. Entendeu a vida, aceitou os problemas, encarou todos de cabeça erguida e começou a viver plenamente.

4 comentários:

Alessandra Oliveira disse...

Tirou palavras da minha boca, pensamentos da minha cabeça e sentimentos do meu coração.
Perfeito.

(Rafael) Couto disse...

:D

Anna. disse...

eu gosto de comentar coisas que façam sentido, mas as palavras até fugiram depois que eu li isso.
Perfeito *-*

(Rafael) Couto disse...

touchè.

Postar um comentário