domingo, 10 de outubro de 2010

Para ser sério.

Ultimamente tenho estado ausente mas a criatividade tem me banhado a cada manhã. Não para escrever aqui, mas sim para compor. Observando as letras novas e antigas, fazendo uma comparação básica é possível perceber o avanço e amadurecimento que estou tendo ao longo do tempo. As letras antigas eram totalmente sem amor próprio e melosas, me entregavam e nelas eu entregava. Agora é notável a superação e algumas vezes a crítica e o humor.
Pessoalmente também tenho estado muito mais sério. Antes não me reservava com brincadeiras. Fazia sobre tudo e com todos, parecendo um verdadeiro palhaço. Desde uns tempos tenho sido mais reservado e brincadeiras só com os amigos mais próximos, quando elas acontecem. As ações parecem estar sobre meu controle diferente de antes.
Ainda sofro com problema de dependência. Não consigo viver totalmente sozinho e me culpo por isso. Devia depender apenas de mim e não ficar pedindo ajuda a toa e deixando as coisas na mão dos outros. Mas aposto que com a maturidade e o tempo também virão a auto-confiança elevada e a paciência. Duvido que se não tivesse sido apressado e esperasse o resultado final em vários aspectos, teria agora uma vida mais esclarecida. Ou até mesmo o inverso, com os erros talvez tenha aprendido certas coisas que nunca aprenderia e não veria o mundo da mesma forma como vejo hoje.
Como um bom conquistador eu deveria ser paciente a ponto de esperar o verão chegar, mas como um ótimo conquistador eu resolvi atacar no inverno, como Napoleão e Hitler fizeram um dia.

Um comentário:

Anna. disse...

Que orgulho, está crescendo *-*

Postar um comentário